twitter
rss

Adorei escrever o livro, pude relembrar com prazer   momentos de infância.







Clique aqui para acessar ao livro


A Filosofia de Paulo Freire 

Aprofundando o conhecimento...

video




O muro pichado do Colégio Estadual Professor José dos Reis Mendes, na periferia de Trindade, município goiano de 104 mil habitantes, a 18 quilômetros de Goiânia, virou espaço para a grafitação – grafitagem, na linguagem dos adeptos. O projeto de arte criado em 2011 deu tão certo que a direção da escola pensa em ampliá-lo para o ano letivo de 2012. A ideia é que o muro interno da instituição seja aproveitado como espaço de expressão artística dos 700 alunos do ensino fundamental e médio.



Zeca Baleiro
Filosofia
Composição: Noel Rosa

O mundo me condena
E ninguém tem pena
Falando sempre mal do meu nome
Deixando de saber
Se eu vou morrer de sede
Ou se vou morrer de fome.

Mas a filosofia
Hoje me auxilia
A viver indiferente assim.
Nesta prontidão sem fim
Vou fingindo que sou rico
Para ninguém zombar de mim.

Não me interessa
Que você me diga
Que a sociedade
É minha inimiga.
Pois cantando neste mundo
Vivo escravo do meu samba
Muito embora vagabundo.

Quanto a você
Da aristocracia
Que tem dinheiro
Mas não compra alegria
Há de viver eternamente
Sendo escrava desta gente
Que cultiva hipocrisia.




Imagem de FABÍULA BATISTA SILVA
filosofia contemporânea
por FABÍULA BATISTA SILVA - sábado, 19 abril 2014, 20:56
O EU-LÍRICO USA DA FILOSOFIA COMO VÁLVULA DE ESCAPE. VISIVELMENTE FRUSTADO, TALVEZ MAIS AINDA COM A HIPOCRISIA E ARROGÂNCIA DOS ARISTOCRATAS DO QUE COM SUA PRÓPRIA SITUAÇÃO SOCIAL, É ATRAVEZ DE VISÕES E PENSAMENTOS MAIS PROFUNDOS DA VIDA, PROPORCIONADOS PELA FILOSOFIA, QUE ELE TORNA-SE CAPAZ DE SUPERAR OS PROBLEMAS MUDANOS QUE O AFLINGEM. MOSTRA-SE CLARAMENTE COMO O INDIVIDUO QUE TEM CONTATO COM A FILOSOFIA SE SENTE EM RELAÇÃO AO MUNDO, DEPARA-SE COM OUTRA MANEIRA DE VER A REALIDADE O QUE PROVOCA UMA MUDANÇA DE VALORES E CONDUTA E ASSIM ELE SE SENTE ALHEIO AO MUNDO, SITUAÇÃO VIVIDA PELO EU-LÍRICO DA MÚSICA SENDO EXPLICITADO ESSE SENTIMENTO NA PASSAGEM “A VIVER INDIFERENTE ASSIM”.


Imagem de BIANCA PEREIRA COSTA
Re: Filosofia contemporânea
por BIANCA PEREIRA COSTA - sexta, 25 abril 2014, 20:17
Na composição ‘Filosofia’ de Noel Rosa, o eu-lírico sofre por ser quem ele é, em meio a uma sociedade que estabelece regras indiretamente de como as pessoas devem se comportar. E a Filosofia o auxilia a importar menos, a ser insensível em relação às coisas que acontecem com ele. E o aspecto da filosofia Contemporânea que explica essa atitude é a moralidade da razão, pois segundo Freud existe um poder invisível que controla bem profundamente a nossa consciência.


Imagem de JAIARA MATOS ROCHA
Re: O mundo nos condena?
por JAIARA MATOS ROCHA - domingo, 27 abril 2014, 20:50
Pela importância de seu trabalho para a música popular brasileira, Noel Rosa tornou-se aos poucos uma figura lendária. Inúmeras são as histórias sobre ele, seu bairro e seus sambas. Almirante conta algumas, Máximo e Didier, outras. Velhos sambistas que conviveram com Noel também relembram um caso ou outro. Nas mesas de bar, nos cabarés, em todo o bairro de Vila Isabel, no Rio de Janeiro, no Brasilinteiro, as canções de Noel estão presentes, constantemente lembradas, contando parte da história de seu compositor. (Fonte: Coisas nossas: a sociedade brasileira nos sambas de Noel Rosa. Link de acesso: http://www.samba-choro.com.br/debates/1005607912/index_html) A canção’’Filosofia’’ composta por Noel Rosa, faz uma crítica á forma como a sociedade encara a realidade das pessoas. Vivemos em uma sociedade que dita regras de como devemos vivemos, comportar e ser. Muitas vezes, na verdade, a maioria das vezes, ninguém observa a reais necessidades dos outros, o que é levando em conta é se a pessoa está ou não dentro desses requisitos hipócritas criados pra separar a sociedade. O eu-lírico desta canção, nos mostra muito bem isso, as pessoas são julgadas e ignoradas, sem terem a oportunidade de mostrar seu valor. Todos o julgam, mas não se importam com suas necessidades. E aprende, segundo ele com a Filosofia, a viver de forma indiferente á esses julgamentos, fingindo assim fazer parte desse grupo de pessoas, que se acham enquadrados nos modelos sociais. Mas, deixa claro que continua escravo do seu samba, que é algo que lhe traz prazer, enquanto os aristocratas, continuarão a viver com o dinheiro, mas também com a hipocrisia que lhe rodeia.

por ELIANE PEREIRA FREITAS - segunda, 28 abril 2014, 14:50
  A filosofia contemporânea, começa no fim do século XIX ao século XX, onde houve diversas mudanças na sua cultura, na história e nas relações da sociedade,porém permanece com os problemas sociais, econômicos e científicos.Nesse contexto a filosofia identifica com uma visão crítica e questionadora diante da moral,religião e ciência.
  Em relação a canção "filosofia" de Noel Rosa, retrata bem sobre a filosofia contemporânea, devido aos problemas enfrentados, um fator que se destaca é desigualdade social, onde muitas pessoas não importam com as necessidades do próximo e a realidade vivida por elas, colocando as vezes um tipo de padrão de vida, com regras e normas hipócritas,voltada para o dinheiro, luxo e bens materiais, que divide a sociedade. O mais importante da canção é a questão da felicidade, onde relata que pra ser feliz é ser você mesmo,sem ter que ser aquilo que a sociedade impõe.  


Imagem de ELISANGELA DOS SANTOS
Re: O mundo nos condena?
por ELISANGELA DOS SANTOS - segunda, 28 abril 2014, 18:04
O eu-lirico é toda a sociedade que sofre, passa fome e muitas vezes é criticado por aqueles que não os conhece, pessoas focadas no consumismo, no ter, e não percebe que o dinheiro não compra a felicidade e a alegria que ele busca ter com o auxilio da filosofia, para fingir muitas coisas, ou driblar as injustiças deste mundo, para obter um jeito melhor de nao ser zombado por eles. O eu-lirico critica a sociedade em dizer que é a sua inimiga, muitas vezes por ter dinheiro e não preocupar com quem vive a mercê de uma sociedade hipocrita que só pensa no ter, enquanto o eu-lirico vive na simplicidade, mas vive com alegria com o pouco que tem.A letra da musica está relacionado com o texto  história da filosofia o periodo economico, politico cultural, onde cada um vive de uma forma diferente, e tem sua propria filosofia, sendo pobre ou rico, não importa, o importante é que o presente é melhor e superior se comparado ao passado, e o futuro será bem melhor se comparado ao presente.


Imagem de GABRIELA MARTINS RUAS
Re: O mundo nos condena?
por GABRIELA MARTINS RUAS - terça, 29 abril 2014, 07:18
Noel Rosa ironiza a filosofia das pessoas de poder aquisitivo maior, que acabam criando diversas verdades que ignoram a existência de pessoas com menores oportunidades na vida tanto monetária quanto intelectualmente. Karl Jaspers em Introdução ao Pensamento Filosófico (Cap.XVII: A Filosofia no Mundo) ao ter contato a filosofia a pessoa se depara com outra maneira de ver a realidade o que provoca uma mudança de valores e conduta e assim ele se sente alheio ao mundo, situação vivida pelo eu lírico da música sendo explicitado esse sentimento na passagem "A viver indiferente assim”.
            O pensamento filosófico permite ao ser humano ter autenticidade e pensar por ser próprio e assim não pertencer a massa que não questiona e somente acata a ordens.Infelizmente isso e usado por pessoas mal intencionadas que tiram proveito da situação.
Avaliação máxima: -

Projeto "Comunidade Ativa" realizado nas comunidades Bom Fim e Traçadal do Município de Rio Pardo de Minas MG 








PALESTRA EDUCATIVA PARA A PREVENÇÃO DO ABUSO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES.